Minha Carteira​ de Investimentos​​

Boa tarde a todos, conforme prometido passarei a compartilhar aqui no blog minha carteira de investimentos detalhada que estou montando rumo a sonhada fase FIRE!

Quem leu meus post anteriores sabe que eu migrei para o Canada a pouco mais de um ano com minha família (leia mais aqui) e pouco tem depois iniciei meu negocio aqui adquirindo uma franquia no setor de alimentação (leia mais aqui e aqui).

Dessa forma em 2017 me desfiz de todas as aplicações que tinha no Brasil e EUA em bolsa (ações, FII e REITs), vendi meu negocio no Brasil (leia mais aqui) e vim me aventurar em terras canadenses!

Apos alguns investimentos tímidos no mercado canadense durante o ano de 2018, no final de Dezembro/2018 e inicio de Janeiro/2019 realizei uma compra significativa no mercado canadense e brasileiro, aproveitando uma realização nos mercados.

Minha meta FIRE é ter uma renda passiva ao redor de R$ 18k. Esse valor considero suficiente para me manter com qualidade de vida aqui no Canada. Os dois principais pilares e fontes de renda passiva, no meu caso, serão Renda de Aluguel (40%) e Dividendos (60%).

Minha carteira de imóveis já esta montada, faltando assim montar minha carteira de Dividendos.

Sem mais delongas, vejamos como esta montada atualmente minha carteira:

screen shot 2019-01-19 at 11.06.15 pm

Os valores referen-se ao valor de custo de aquisição dos ativos. Tenho alocado hoje cerca de R$1MM em minha carteira de Dividendos. Meus critérios para escolha dos ativos são:

  • Valor de mercado: Busco empresas com valor acima de $500MM,
  • Liquidez: Os ativos precisam ter liquidez para que você possa compra e/ou vender quando precisar,
  • Net Asset Value (NAV): Esse indicador é utilizado para REITs e mede o valor dos ativos do fundo. Aqui busco preferencialmente REITs que estejam sendo negociados com desconto em relação ao seu valor patrimonial,
  • Adjusted Funds from Operation (AFFO): Outro indicador utilizado para REITs, nada mais é que o fluxo de caixa, o que realmente sobre de dinheiro na conta do fundo. Para REITs não adianta olhar para a Receita ou para o Lucro, pois existem despesas como depreciação que nao são desembolso de caixa.
  • % Payout (Dividend / AFFO): Esse índice é muito bom para se analisar a sustentabilidade dos pagamentos mensais dos REITs, esse percentual mede quanto do fluxo de caixa esta sendo distribuído (calculado com base anualizada). Por incrível que parece existem REITs que em determinado momento podem distribuir mais que o fluxo de caixa, gerando assim um deficit que consome a reserva de dinheiro. Procuro REITs com no máximo 95%. Um Payout alto aumenta muito as chances de um corte nas distribuições mensais.
  • Debt Ratio (%): índice de endividamento calculado como % dos ativos (Equity). Muitos REITs estão em plena expansão e utilizam de empréstimos para suportar o crescimento. Tento buscar REITs com no máximo 50%.

DISCLAIMER: Esse post retrata minha escolha pessoal de investimento e de forma alguma estou sugerindo ou indicando os ativos em questão para ninguém!

Abaixo um breve resumo dos meus ativos:

American Hotel Income Properties

Fundo imobiliário (REIT) com sede no Canada com investimentos em 112 Hoteis espalhados por 32 estados dos EUA, operando primariamente em mercado secundários (fora dos grandes centros como NY, Miami). Opera hotéis de redes como: Marriott, Wyndham, Hilton and IHG.

Segundo seu ultimo balanço divulgado (Q3 2018), possui um valor de mercado de $600MM e atualmente esta sendo negociado com um desconto de 13% em relação ao seu Net Asset Value (NAV). Distribui 98% do AFFO com um DY de 12%. Apesar do fundo ser baseado no Canada, ele distribui seus rendimentos mensais em dólar americano e devido ao fato que 100% de suas receitas estarem nesse pais tenho que pagar 15% de imposto de renda na fonte.

Suas cotas foram bastante penalizadas no ano passado por conta das inúmeras reformas realizadas em muitos dos seus hotéis, o que gerou uma queda nas receitas e fluxo de caixa, porem com as reformas espera-se que o preço médio das diárias aumente consideravelmente, melhorando os indicadores e com potencial de alta nas cotas. O risco desse REIT é uma recessão nos EUA, o que causaria uma queda nas hospedagens.

BTB Real Estate

REIT com sede em Toronto e investimentos prioritariamente no leste do Canada. Possui mais de 70 propriedades entre comerciais, escritórios e industrial, por isso é considerado um REIT Diversificado. O fundo esta em plena expansão tendo adquirido diversos imóveis em 2018 e 2 imoveis já nas primeiras semanas de 2019.

Esse REITs possui um payout de 78.4% com um DY de quase 10% e esta sendo negociado com um desconto de cerca de 14%.

CIBC Bank

Um dos maiores e mais antigos bancos do Canada com valor de mercado de quase $50 bi. As suas ações sofreram em 2018, principalmente no segundo semestre, com as seguidas altas nas taxas de juros que estava sendo visto como um sinal de desaceleração da economia e possível risco inflacionário. Porem a inflação fechou dentro da meta do governo e a economia continua crescendo mas agora menos acelerado o que fez com que o BC do Canada mantivesse a taxa de juros nas ultimas reuniões. O banco possui a maior carteira de credito imobiliário do pais.

O banco tem aumentado seus dividendos (que são  trimestrais) todos os anos desde 2007 e possui um atrativo DY de 5%. Considero um excelente ativo para o período FIRE pois trata-se de um ativo extremamente seguro e com grande potencial de crescimento nos dividendos.

Canoe EIT Income Fund

Um dos maiores fundo de investimentos do Canada, possui cotas negociadas na bolsa de valores. Seu foco é gerar distribuições mensais e valorização das cotas através de seus investimentos (prioritariamente ações no Canada e EUA).

Esta sendo negociado com um desconto de 15% em relação ao seu NAV e distribui mensalmente o valor de $0.10 por unit o que representa um DY de cerca de 10%.

Inter pipeline

O Canada é um dos maiores produtores de petróleo do mundo e atualmente possui a terceira maior reserva de petroleo, o que torna esse segmento um atrativo para investimento no mercado de ações. Com o preço do barril em queda nos últimos anos, a receitas das empresas produtoras estão sofrendo bastante assim como suas acoes.

Essa empresa atua com oleodutos que transportam o petróleo pelo Canada e também em alguns locais na Europa. Dessa forma, independente se o preço do barril sobe ou desce, existe sempre a necessidade de transporta-lo!

Com um valor de mercado de quase $8bi, em 10 anos o FFO (Funds from Operations) cresceu de $200MM para $1bi! E ainda assim suas ações estão sendo negociadas com um desconto de quase 30% em relação ao seu valor patrimonial. A empresa tem uma politica de distribuição mensal de dividendos (atualmente com um DY de 8.3%) e tem aumentado o mesmo anualmente com consistência nos últimos anos, tornando mais uma excelente opção de investimento para minha carteira de dividendos!

Invesque Inc

Fundo imobiliário (REIT) do setor de Health Care com foco em Senior Housing, Skilled Nursing e Medical Office nos EUA e Canada. Possui mais de 100 propriedades localizadas principalmente na costa leste dos EUA.

Possui um valor de mercado de $500MM e atualmente esta sendo negociada com um desconto de 20% em relação do NAV. Distribui dividendos mensalmente, com DY atual na casa dos 10% e Payout de 90%.

Pro Reit

Esse é um REIT com foco em imóveis comerciais. Possui atualmente um portifolio de 76 propriedades localizadas primordialmente na região leste do Canada (Ontário e Quebec), porem o fundo tem se expandido consideravelmente para a costa oeste do Canada (Britsh Columbia).

Possui um valor de mercado baixo de $200MM (considerado Small-cap) porem inclui o mesmo na minha carteira devido ao potencial de crescimento não apenas no valor das cotas mas principalmente no portifolio do fundo. Possui distribuição mensal com um DY de cerca de 10% e um Payout de 120%. Apesar de possuir Payout extremamente alto, diversos imóveis recém adquiridos em 2018 ainda não geraram fluxo de caixa suficiente para reduzir o Payout. Estimasse que para 2019 o Payout esteja na casa dos 90%.

Slate Office REIT

Como diz o nome trata-se de um REIT de escritórios com mais de 40 propriedades localizadas nas principais cidade do Canada, em especial Toronto (com 16 propriedades).

Possui um valor de mercado de $600MM, distribuicao mensal de dividendos com DY de 9.5% e Payout de 100%. Aqui novamente temos o efeito de novas aquisições que não geraram fluxo de caixa suficiente para reduzir o Payout que deve ficar em 95% em 2019, ainda considerado elevado, porem dentro do que eu considero aceitável.

True North Commercial REIT

Mais um REIT com foco em escritórios e foi o ultimo a ingressar em minha carteira (semana passada para ser mais exato!). Possui cerca de 45 propriedades localizadas nas maiores províncias do Canada (Ontário, Alberta e Britsh Columbia).

Com um valor de mercado de $400MM, esta sendo negociado com um desconto de 9% em relação ao seu NAV. Tambem distribui mensalmente dividendos com um DY de 9% e um Payout de 105%. O motivo do alto % refere-se a uma reestruturação nos ativos do fundo que iniciaram ano passado. O REIT tem vendido propriedades em áreas consideradas nao-estrategicas para focar nos maiores centros do Canada.

UBS

Primeiro e único FII em minha carteira ate o momento. Fundo de recebiveis imobiliários, ou “fundo de papel”.

Nao me sinto muito seguro ainda de investir em FII de tijolos no Brasil, dessa forma devo manter apenas esse em minha carteira. Como tenho planos de quitar meu credito imobiliário no Brasil esse ano, não deve sobrar muitos reais para investir no Brasil. Alem disso com meus ativos atuais no Canada pagando dividendos de cerca de 9-10% ao ano em dólares nao vejo muito sentido em enviar recursos nesse momento.

Esse fundo paga dividendos de cerca de 0.94% ao mês, ou 11.3% ao ano (sei que o termo correto é distribuição, mas para simplificar meus controles estou chamando tudo de Dividendos). Os papeis do fundo são primordialmente CRI (98% dos ativos) com Duration médio de 3-4 anos considerado baixo. A expectativa agora é ver se o FII será capaz de conseguir bons papeis para manter a distribuição. Possui um valor patrimonial baixo de apenas R$150MM e esta sendo negociado com cerca de 12% de prêmio em relação ao seu valor patrimonial.

 

A partir de agora estarei compartilhando qualquer alteração em minha carteira, seja compra ou venda de ativos. Sei que quase ninguém possui investimentos em acoes ou REITs no Canada, mas caso alguém queira maiores informações estou a disposição!

 

Abraço e ate a proxima!

16 comentários sobre “Minha Carteira​ de Investimentos​​

  1. André

    Caro Executivo, muito legal esse seu post! Eu venho pensando em diversificar a minha carteira, incluindo investimentos no exterior, mas claro que os EUA que vêm à mente.
    Você chegou a pesquisar diferenças entre investir em REITs nos EUA e no Canadá? Em termos de segurança, resiliência dos ativos e em rendimento (DY)?
    Eu, pessoalmente, estou esperando melhor hora para entrar, afinal o cenário externo está mais nebuloso (recessão se avizinhando?) e há uma tendência de desvalorização do dólar em relação ao real, se a economia aqui realmente melhorar (reformas, etc).
    Agradeço qualquer ajuda e parabéns pela iniciativa!
    Obrigado por compartilhar sua carteira de investimentos!

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Bom dia André, antes de vir para o Canadá investia em REITs nos EUA. O DY não é tão atrativo E em termos de segurança ambos são muito bem regulados. No meu caso agora como residente canadense os dividendos recebidos nos EUA são taxados em 15% e os daqui praticamente isentos.
      Se eu estivesse no Brasil não investiria nesse momento no exterior. Primeiro porque existe uma perspectiva boa para o Brasil e lembre que os EUA irão tributar seus rendimentos recebidos lá em 30% por não ser residente.
      Obrigado e abraço!

      Curtido por 1 pessoa

    2. Pio

      Olá!
      Muito interessante seu blog! Não paro de ler!
      Sei que se desfez de sua carteira de ações e FII aqui do Brasil. Tem algum post em que vc fala sobre os seus ativos de RV aqui no Brasil??
      Grande abraço e muito boa sorte!!

      Curtir

      1. executivoinvestidor

        Obrigado e bem vindo Pio! Atualmente meu único ativo de RV no Brasil é o FII UBSR11. No momento estou focando apenas no mercado norte-americano de RV.
        Abraço!

        Curtido por 1 pessoa

  2. ABM

    Muito interressante o seu artigo. Que bom voce poder estar exposto a estas boas opcoes de fundos ai no Canadá. Provavelmente optarei por investir em ETFs de acumulação no exterior. Dada a forma como o patrimonio já esta alocado, parece a alternativa mais apropriada para os proximos anos.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Gerson de Abreu

    Interessante seu artigo, EI.

    Seu artigo me despertou várias e que de verdade me dispararam um gatilho aqui…

    1) Qual a tribuatação dos dividendos de REITs canadenses para investidores brasileiros? Se for os 30% dos EUA, estamos falando ai de excelentes 6-7% a.a. líquidos em moeda forte, muito bom. Estou certo?

    2) Como comprá-los? Sabe se na Interactive Brokers eles estão disponíveis?

    3) Como você consegue as informações para análise? Existe algum site específico com as informações de todos os REITs listados?

    Obrigado desde já, meu caro. Seus posts são utilíssimos pra mim que estou na jornada da independência financeira.

    Abraço!
    Gerson de Abreu.

    Curtir

    1. executivoinvestidor

      Obrigado Gerson!
      1) a tributação para brasileiros é de 25%! Menos que nos EUA. Sendo assim mesmo pagando o imposto o retorno continua excelente e lembrando que em dólar!
      2) não sei dizer ao certo. Seria necessário entrar em contato com eles. Por aqui temos algumas corretoras de baixo custo como VirtualBrokers, Questrade e Qtrade. Sugiro dar uma pesquisada no site e entrar em contato.
      3) as análises eu faço com as informações disponíveis nos balanços trimestrais. O último divulgado é o Q3-2018. Recomendo ler os relatórios trimestrais pois nele é possível além dos resultados financeiros, saber mais sobre a estratégia do fundo.

      Eu que agradeço e se tiver algum assunto específico que queira ver aqui me fala que tento encaixar!

      Abraço.

      Curtir

  4. Pingback: Resumo de Semana​ (26 Jan) – Executivo Investidor

  5. Pingback: Janeiro/2019: R$ 5.032.097 (+3,4%) | Renda Passiva: R$ 14.263 – Executivo Investidor

  6. Pingback: Resumo da Semana (8 Fev) – Executivo Investidor

  7. Pingback: Indo às compras – Executivo Investidor

  8. Pingback: Segundo e Terceiro Axiomas: A Ganância e a Esperança – Executivo Investidor

  9. Johan

    Parabéns pelo blog! Comecei a acompanhar a poucos dias e já li algumas textos e me sugiram algumas dúvidas. Principalmente pelo fator Canadá. Talvez você já tenha respondido dentro de algum texto e eu não consegui encontrar.

    Vi no seu blog que o seu projeto de morar no Canadá apesar de realizado a pouco anos é um plano antigo. Tenho esse mesmo plano com a minha família. Em 2017 resolvermos passar por um período de teste e morar 6 meses em Vancouver e tentar ao máximo simular viver como residentes, entender os custos, processo da vida de um cidadão no Canadá. Foi uma experiência muito positiva e temos certeza que é oq queremos para um futuro próximo. Se quando estavamos no Canadá já tinha claro que a qualidade de vida lá é oq desejamos, passamos a ter certeza nos primeiros meses de volta ao Brasil.

    Pelo que entendi você quando saiu do Brasil fez a declaração de saída e vendeu, se desfez de todas as posições que tinha no Brasil. Isso tanto em RF (Tesouro Direto, CDBs, contas em banco), como RV? Caso não, como vc mantém suas aplicações aqui no Brasil, por meio de qual corretora, banco, criou alguma holding familiar, PJ, algo do tipo. Pq vejo relatos de dificuldade que tornam praticamente inviável um não residente manter suas posições aqui no Brasil. E se possível relatar como foi esse processo de encerrar suas posições aqui, acredito que vc deveria ter algumas posições aqui de longo prazo de vencimento longo, se ouve um planejamento maior talvez até mais anterior de se desfazer das posições. E a transferência do seu financeiro para o Canadá? Assim como você percebi que os bancos canadenses são bem desconfiados. Quando estava no Canadá tentei abrir conta no RBC, CIBC, Scotiabank e BMO sem sucesso apesar de apresentar vários documentos, consegui abrir conta no TD bank. Conversando com canadenses me falaram que já eram assim mais rigorosos, mas que ficaram mais depois da crise nos EUA. E principalmente em Vancouver tem muito dinheiro vindo da China e tentam cada vez mais se proteger de algum problema futuro.

    Outra questão é sobre o visto. Empreender no Canadá e visto foram coisas separadas? Você já estava fazendo algum processo para mudar em definitivo ou o plano de empreender no Canadá foi um fator usado no processo de visto?

    Obrigado por compartilhar sua experiência.

    Curtir

    1. executivoinvestidor

      Ola Jonathan! Pois é, o projeto Canada iniciou-se a alguns anos atras, e comecamos assim a nos preparar financeiramente. O planejamento de saque do meu PGBL foi o que comecou mais cedo devido a questao de tributacao. Entao deixei de contribuir uns 2 anos antes da mudanca definitiva. Meu FII fui vendendo no decorrer de uma semana. Esse montante era mais de 90% do meu capital investido no Brasil, porem ainda ficaram alguns CDB cujo vencimento foi agora no inicio de 2019. De la para ca nao fiz grandes investimentos no Brasil pois estou focando aqui no Canada. A transferencia do valor para ca foi relativamente tranquilo. Eu abri minha conta aqui cerca de dois anos antes da mudanca, porem comecei mesmo a transferir os recursos para ca durante 2017. Utilizei a Remessa Online. Tive sorte pois peguei taxas muito boas, minha taxa media ficou em cerca de R$2,50. O unico entrave que tive foi quando iniciei a busca do negocio e da minha casa, pois o Canada é muito preocupado com lavagem de dinheiro e o Brasil esta na lista de paises “suspeitos”. Outro grande problema que todo imigrante encontra aqui é em relacao ao bendito historico de credito que leva alguns anos para formar. Fora isso a adaptacao foi relativamente tranquila.
      Em relacao a sua ultima pergunta eu ja vim para ca com o intuido de investir. Eu ja vim para ca com PR (Permanent Residence), entao estava livre para fazer o que bem entender, tanto que acabei conseguindo uma posicao executiva em uma empresa americana aqui, porem ainda assim comprei meu negocio!
      Desejo sorte na sua empreitada, o Canada é um pais muito bom para se viver, claro que tem problemas (nao existe lugar perfeito) mas os problemas daqui considero nada.
      Abraco!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s