Rentabilizando sua carteira através de Opções

callput

 

Minha primeira experiência com o mercado de Opções foi, digamos, bastante enriquecedora. Não, eu não ganhei rios de dinheiro (graças a Deus também não perdi muito!), mas o ganho de conhecimento foi imensurável.

Conforme descrito brevemente aqui, iniciei cedo meus estudos no mercado financeiro. Ainda na faculdade iniciei minhas aplicações no mercado de ações e não demorou muito para eu conhecer o fascinante mundo das Opções. Antes de mais nada, vou deixar claro que o objetivo desse post não é ensinar a operar nesse mercado. Esse mercado requer muito estudo e não recomendo a ninguém se aventurar sem uma boa base. O Objetivo será apresentar uma técnica que eu utilizei por muitos anos (quando aplicava no mercado de ações do Brasil) e que irei retomar aqui no Canada: rentabilizar a carteira de ações através do uso de Opções, gerando uma “renda” mensal.

Voltando a minha primeira experiência com Opções foi operando “Descoberto” (ou como se diz no jargão: “a seco”), sem muito estudo sobre o mercado e sobre técnicas mais avançadas. Isso significa que se opera na compra e venda de Opções sem ter como lastro o ativo (ações). Operava day-trade, com uma “estratégia” simples:

  • Vendia Opção “descoberto” quando via tendência de baixa no mercado para recomprar em seguida por um preço menor, ganhando assim com a queda da ação alvo. (Nota: nem todas corretoras permitem operar no mercado de venda de opções Descoberto pelo risco que existe. Em teoria a perda é ilimitada. Imagina você vender algo que não possui por 10 centavos na expectativa de recomprar a 1 centavo e embolsar o ganho, mas ao invés disso a Opção dispara para 100 reais? Agora imagina que você comprou 1 milhão dessas Opções? Sim, o efeito pode ser devastador! Claro que esse exemplo é extremo, mas usei justamente para mostrar o efeito que pode causar).
  • Comprando Opção quando via tendência de alta, para vender em seguida a um preço maior, embolsando a diferença.

Quem conhece um pouco do mercado e os riscos já percebe que de estratégia não tinha nada! Era pura roleta russa!

Não demorou muito para cair a ficha: em 5 meses operando dessa forma, ganhei cerca de R$500mil reais com um capital de praticamente ZERO reais. Porem bastou uma semana para que eu perdesse R$510mil! Esses R$10mil que tive que meter a mão no bolso para encerrar minha posição na corretora poderiam ter me custado muito mais que isso, mas no fundo para mim serviu como uma grande lição que trago ate hoje comigo em qualquer investimento que penso em fazer, e esta muito bem resumida nessa frase:

“Nunca invista em um negocio que você não entenda” – Warren Buffett

Passado o trauma comecei a estudar o mercado de opções a fundo. Cheguei a ler diversos livros americanos (o mercado americano de opções é o mais desenvolvidos do mundo). Com isso cheguei a aplicar algumas técnicas mais avançadas como Trava de baixa/alta, Borboleta, etc. Porem, todas essas técnicas requer algo que eu não tinha, pois já iniciava minha carreira de executivo: TEMPO.

Foi assim que comecei a operar com a Venda Coberta de Opções.

Vamos a um exemplo fictício para ilustrar: Digamos que você compre 1.000 ações da empresa X ao custo de R$40 cada e venda opção com strike (preço alvo futuro) de  R$44, que esta custando R$3. Dessa forma você embolsa R$3 x 1.000 = R$ 3.000.

Dois cenários podem acontecer no vencimento da opção (no Brasil o vencimento das opções é mensal):

  1. A ação caiu durante o mês ou se manteve na mesma, andando de lado. Se isso acontece quem comprou suas opções não ira exercer o direito de comprar suas ações a R$44 (pois ele pode comprar no mercado a vista por R$40 ou menos). Dessa forma seu lucro mensal foi de R$3.000 e ainda manteve suas ações
  2. A ação subiu durante o mês e atingiu um preço R$46. Você tem a opção de deixar ser exercida a opção, embolsando os R$3.000 iniciais mais o lucro com a vendas das ações. Porem o mais interessante é você rolar a posição vendida, comprando as opções antes do lançamento (digamos por R$6 cada) e imediatamente vendendo nova posição para o mês seguinte, embolsando a diferença.

Essa técnica me permitiu rentabilizar minha carteira de ações em cerca de 2,5% ao mês durante cerca de 4 anos. Pretendo usa-la em minha carteira aqui no Canadá, a fim que garantir mais uma fonte de “renda” para se somar aos Dividendos.

Caso alguém queira mais detalhes estou a disposição para compartilhar o que sei e discutir essa e/ou outras técnicas! (compartilhar conhecimento apenas, não dou sugestões de investimentos!)

E você, já investiu no mercado de opções? O que achou da técnica?

Abraço e ate a próxima!

17 comentários sobre “Rentabilizando sua carteira através de Opções

  1. Olá Executivo!
    Interessante seu relato! Hoje opero call coberta (financiamento) e put (coberta no dinheiro) e tenho obtido bons resultados. Estou começando e sei que o mercado foi favorável.
    Faço mensalmente um post com detalhes das operações e tem alguns post sobre a estratégia.
    Grande abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Legal Janota! Realmente o mercado atual permite bons resultados através de sua estratégia. Importante escolher bem os ativos para se conseguir girar bem (alto volume). Na minha época operava muito PETR e VALE. Vou acompanha seus trades no blog.
      Sucesso!

      Curtir

  2. Olá EI.
    Fantástico, comigo aconteceu algo parecido, durante a faculdade eu realizei uma prática de formação (cursos extracurriculares) sobre mercado de opções. A ideia era gerar uma previdência vendendo “pozinhos” (ou como você disse, rentabilizar) e assim mantendo a carteira. Como na época da faculdade não tinha dinheiro para investir acabei não iniciando porém há alguns meses fui resgatado no tema.
    Tenho lançado basicamente calls cobertas ITM para que seja exercido e gire o capital no final de cada exercício.
    Como a bolsa está em alta, tenho conseguido ganhos interessantes, menores que se eu tivesse apenas comprado as ações e deixado lá, porém acredito que a rentabilidade “garantida” tenha seu preço.

    Abraços.

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Olá TI! Cada época do mercado (bull market ou bear market) requer uma estratégia um pouco diferente mas é possível obter rentabilidades em ambos. Eu operei na época áurea da bolsa logo antes do crash de 2008. Se sua estratégia está dando resultado continue estudando para aprimora-la! Não existe uma receita infalível, precisamos descobrir o que funciona para nós de acordo com nosso perfil de risco e tempo disponível para acompanhar o mercado.
      Abraço!

      Curtir

    1. executivoinvestidor

      Interessante Primeiro Milhão. Eu particularmente não cheguei a montar uma estratégia para compra de ações descontadas mas certamente é algo interessante se bem feito.
      Abraço.

      Curtir

    2. David

      Boa noite, achei muito interessante seu artigo considerando a experiência adquirida. Como estou iniciando estudo para ingressar em opções,, solicito caso seja possível enviar me alguns trabalhos ,estudos ou artigos abordando o assunto , principalmente os relacionados ao seu método de aplicação.. Abs

      Curtir

  3. Já tem um tempo que estou flertando com a ideia de aprender e colocar em prática alguma estratégia com opções.

    Sempre tive preconceito com opções justamente por ouvir falar de muita gente que operou de forma irresponsável, mas, como você relatou, talvez seja possível utilizá-las para ajudar a rentabilizar a carteira com algum grau de segurança.

    Qual livro ou material você indica sobre o assunto?

    Abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Olá Sr Ministro, esse preconceito existe mesmo aos que não compreendem as inúmeras estratégias possíveis e formas diferentes de se operar com opções. Mas estudando bem é possível ter sua própria estratégia ou escolher uma que se sinta mais confortável.
      Atualmente existe muito material disponível na internet sobre o assunto. O que eu recomendo para começar é escolher um livro ou texto bem básico. Para que você entenda bem o modus operandi e conceitos básicos. Depois leia sobre as técnicas simples e avançadas (como montar operações estruturadas, trava de alta, trava de baixa, etc). Fuja de textos que prometem a “fórmula mágica”. Busque textos que lhe forneça os conceitos!
      Abraço!

      Curtir

  4. Olá Executivo!

    Caramba, 500k man? A descoberto eu nunca operei e nem pretendo rs. Só umas comprinhas a seco e olhe lá hehe

    Um livro americano que li sobre opções e gostei é o Get Rich with Options. Leu esse?

    Tem estratégias legais nesse livro. Porém, muitas são de difícil implementação no Brasil. Infelizmente nosso mercado é bem pequeno. Poucas ações com opções, opções com vencimento no máximo até 3 meses pois acima disso não existe negócios…

    Enfim, são poucas as estratégias do livro a se usar aqui. Mesmo assim, usei uma que consiste vender put para comprar “mais barato” e venda coberta.

    Sem contar trava de baixa/alta e straddle. hehe

    Pretendo voltar a fazer operações com opções. Assim que acumular uns 10k, volto a operar.

    Abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Olá II! Pois é, a experiência valeu mas nunca mais volto a operar daquela forma. Esse livro não li. Não me recordo o nome mas li dois livros muito bons americanos um sobre conceitos e outro sobre técnicas, mas como você bem disse o mercado brasileiro ainda é considerado pequeno para conseguir aplicar tudo que se aprende!
      As travas (alta/baixa) são boas pois permitem limitar as perdas.
      Legal só não tenta ir com muita sede ao pote! Você é experiente mas o grande erro dos iniciantes é a ganância e foi isso que acabou acontecendo comigo quando estava iniciando!
      Abraços e depois coloca relato de como foi as operações no seu blog!

      Curtir

  5. Para quem já tem um bom conhecimento do opções, uma carteira de tamanho razoável, pode ser uma técnica venda coberta de opções, pois dá uma espécie de “dividendo extra” a juntar ao dividendo das ações gera uma boa renda passiva. Apenas prefiro opções bem longe do dinheiro para ter menos chance de perder a ação.

    Outra técnica que gosto muito é da venda de puts “cobertas” (com dinheiro em caixa, para caso seja preciso comprar ações) bem longe do dinheiro. O ideal escolher excelentes ações. Se a ação não cair muito manter ou subir, você recebe uma “renda extra” do premio da opção, se a ação cair muito você comprar excelentes ações para buy and hold com desconto.

    São as minhas duas técnicas de opções preferidas geram renda e não tem muito risco.

    Abraço e bons investimentos

    Curtido por 1 pessoa

  6. Moneymonster

    Conheci seu site hoje e estou gostando bastante. Já segui recomendações de uma casa de análise para venda coberta.
    Um ponto que não entendi foi a questão de recomprar a opção para “rolar a posição vendida”. Poderia me explicar melhor?

    Curtido por 1 pessoa

    1. executivoinvestidor

      Olá Moneymonster, seja bem vindo! A rolagem da posição serve para evitar que você “perca” as ações com o exercício da opção. Dessa forma você pode rolar a posição para um strike acima ou para o exercício seguinte.
      Abraço!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s